You are currently viewing O Que É O Tempo Histórico?

O Que É O Tempo Histórico?

Se havia outro tempo antes disso, não podemos saber.” (CHERMAN, 2008 p. 11). Pensamento que não afirma e nem nega um começo para existência do tempo. Esse foi o modelo de contagem de tempo adotado pelos cristãos, que presumiram a data do nascimento de Jesus Cristo para estabelecer o ano 1. Dessa forma, os anos anteriores ao ano 1 são contados de forma decrescente e utilizamos a sigla a.

Assim como o sujeito e o espaço, o tempo é um referencial para o entendimento do conhecimento histórico. A coroa portuguesa instalava postos de registros em várias cidades brasileiras para fiscalização e arrecadação de impostos. Héstia era uma divindade presente nos mitos gregos, considerada a personificação da lareira. Nesse período, é abordado o desenvolvimento do feudalismo na Europa, por meio do processo de ruralização da Europa após o fim do Império Romano do Ocidente. Com isso, surgiram novas relações de poder, como a suserania e a vassalagem, e o funcionamento da sociedade tornou-se radicalmente distinto da forma como funcionava em Roma.

Será que este relógio ainda conserva esta estrutura e adapta aos novos conceitos de humanidade e vida? Para responder essa pergunta é necessário mergulhar na história da contagem do tempo e a formatação dessa representatividade. Encontrando os caminhos do tempo entre condições e necessidades primitivas até o progresso humano.

Ela pode ser utilizada por historiadores para pesquisar como os portugueses perceberam o novo território onde haviam chegado. Titulação ou titulometria é um método de volumetria utilizado em laboratório para determinar a concentração de espécies químicas de uma solução. Num “relógio atômico”, utiliza-se como padrão de uma freqüência característica associada a uma radiação emitida por átomos de Césio 133, que por sua vez controla as oscilações eletromagnéticas na região de microondas e um oscilador de quartzo.

Para grande parte da humanidade, a contagem do tempo é desesperadora”, aponta o professor Régis. Em 1656, é criado pelo holandês Christiaan Huygens um sistema que utiliza pesos para o fornecimento de energia e movimentação dos ponteiros. Trata-se do relógio de pêndulo, existente até hoje – mais por suas características artísticas, estéticas e culturais, do que pela própria precisão. Esse modelo foi estudado por Galileu Galilei pela regularidade da movimentação dos pêndulos.

Qual é a importância da contagem do tempo para a história?

A Origem Da Contagem Do Tempo

O ano tinha doze meses e de vez em quando, treze, mas com o passar do tempo no ciclo de dezenove anos, que tornou a base do calendário judaico – cristão, questão que acabou por gerar um grande problema para construção do calendário até chegar ao calendário juliano. Até mesmo porque essa capacidade de conhecimento e medição não era importante para os primórdios, suas vidas eram moldadas de acordo com as condições do espaço. Olhar do tempo hoje é muito diferente do olhar do passado, onde é possível ver os movimentos e vivências relatados nos fatos históricos ou análises documentadas, abrindo o imaginário aos estudos de Cherman, Whitrow, e Elias, . O tempo atual é instantâneo e pode fragmentar valores, antagônicos a conexão do espaço – tempo e a memoria patrimonial.

E o tempo pode ser dividido em dois tipos diferentes, o cronológico e o histórico. No tempo cronológico há a contagem dos dias, dos meses, das horas. Já o tempo histórico é marcado por aspectos culturais, sociais, econômicos e religiosos. Espaço é um conceito histórico que nos da uma representação onde os fatos aconteceram, Este pode se definir como a porção do planeta onde se desenvolvem as atividades do homem no seu cotidiano. Inserido no conjunto das suas atividades ao longo de um período de tempo maior ou menor, ganha a dimensão histórica, não apenas de forma isolada, mas também em relação com outras áreas. Preconizador do conceito espacial no seio da História, Fernand Braudel defendia que a História se define não só pela relação entre diversos espaços como pelas características dos mesmos, que variam consoante os homens que os estruturam e neles vivem.

Conceito Histórico: Tempo

No caso de anos terminados em 00, não há necessidade de somar mais um. Consequentemente, o século II começou no ano 101 e foi até cronômetro o ano 200. A arte produzida por cada grupo social pode revelar muito sobre a forma como se expressavam, viviam e pensavam.

Próximos Planos Dessa Sequência

Reforça o texto, que em relação ao tempo cronológico, é importante o entendimento que todas as marcações e ordenações, como é o caso dos calendários, são construções que variam de uma cultura para outra. E nesta aula, vamos discutir ainda, sobre o trabalho com tempo e temporalidades em sala de aula, fazendo uma reflexão sobre o significado do tempo nos nossos dias e a necessidade do diálogo com outras percepções sobre o tempo do passado. Por meio do livro-texto, vamos abordar como as diferentes ciências, por exemplo, a Física, a Filosofia e a História estudam o tempo e que modelos se constroem a partir desse referencial. E ainda compreender como a História, através dos calendários, consegue juntar o tempo natural e o tempo da consciência. É importante considerarmos que essa classificação é uma definição realizada por historiadores modernos com intuito de facilitar o estudo e o ensino da História por uma perspectiva cronológica. Essa divisão, portanto, agrupa os acontecimentos pela passagem do tempo e estipula marcos que determinam o início e fim de cada fase.